martes, 13 de diciembre de 2011

Primeiro Batismo da Igreja em Guayaquil, nossos amigos missionários Elder e Jane.

Faltam-nos palavras para agradecer ao nosso Deus pelas inúmeras bênçãos derramadas sobre as nossas vidas. O fato de sermos alvo da graça, amor e misericórdia do Senhor nosso Deus, bem como dos milagres que ele tem realizado em nosso meio, nos deixam cada vez mais convictos, de que Ele está no controle de todas as coisas e cumpre as suas promessas por sua fidelidade. No último dia 27 de novembro, foi realizado um culto em ações de graças ao Senhor, pelo nosso 1º ano de missões no Equador. Estamos muito felizes por esse privilégio e por esse momento que nos permite enxergar e sentir o cuidado do Senhor para com as nossas vidas, família e ministério. Em pouco mais de quatro meses já somos mais de trinta crentes servindo ao Senhor, levando o Evangelho genuíno a aqueles que necessitam de Salvação. Muitas lutam e dificuldades têm nos rodeados, porém, o Senhor tem nos ajudado até aqui e temos avançado para o louvor da sua glória. Muito obrigado, meus irmãos e amigos, família e ministério, pelas orações, contribuições e por acompanhar de perto o desenvolvimento da obra missionária na cidade de Guayaquil, província de Guayas, Equador. Que Deus abençoe a todos em nome de Jesus!



NOSSOS AMIGOS E MISSIONÁRIOS EVERSON E CREUSA


Primeiro congresso UJADITREC (Unión de Jóvenes de la Iglesia Asamblea de Dios - Tres Corazones)

MISSIONÁRIOS EVERSON E CREUSA
PR. EVERSON DANDO ABERTURA OFICIAL NO CONGRESSO.



NO DIA 26 DE NOVEMBRO DE 2011, REALIZAMOS NOSSO PRIMEIRO CONGRESSO DE JOVENS ENTRE NOSSAS IGREJAS DE PIURA E LA UNION, COM O PROPOSITO DE RESGATAR OUTROS JOVENS PARA CRISTO.
MUITOS JOVENS FIZERAM SUA DECISAO DE SEGUIR A CRISTO.

AINDA TEMOS MUITO O QUE FAZER, O ESTADO DE PIURA É CONHECIDO COMO O ESTADO MENOS EVANGELIZADO DE TODO O PERU, TEMOS 2% DE EVANGELICOS E ALGUMAS CIDADES NAO EXISTE NENHUMA PRESENÇA EVANGELICA COMPARADO A JANELA 10x40.

NAO TE COMOVE ISSO?
NO AMOR DE CRISTO
PASTOR EVERSON PEREIRA E FAMILIA

viernes, 11 de noviembre de 2011

O Extremismo da Religião: Duas mulheres são assassinadas no Afeganistão por 'imoralidade'


Pela AFP - Uma mãe e sua filha foram assassinadas em sua casa no leste do Afeganistão nesta sexta-feira por homens armados que aparentemente as acusaram de "atividades imorais", segundo autoridades e vizinhos.
Os dois homens invadiram a casa desta viúva e de sua filha na cidade de Ghazni por volta das 4H00 local e as mataram a tiros, indicou o chefe da polícia local, Zilawar Zahid.
Este caso se soma a outras duas mortes que colocam em evidência os perigos que muitas mulheres enfrentam no Afeganistão depois que uma invasão dirigida pelos Estados Unidos há dez anos derrubou o regime talibã, que aplicava uma política repressiva contra as mulheres.
"Mataram as mulheres dentro de casa", afirmou Zahid. "Foi iniciada uma investigação para averiguar porque foram mortas e a polícia afegã prendeu dois homens relacionados ao caso", acrescentou.
Este policial desmentiu que tivessem sido assassinadas a pedradas.
Um homem que vivia perto das duas mulheres, Mohamad Khan, disse que elas foram "acusadas de adultério e atividades imorais".
A Comissão Afegã Independente de Direitos Humanos registrou 1.026 casos de violência contra mulheres no segundo trimestre de 2011, em comparação com 2.700 casos em todo o ano de 2010.
Cerca de 87% das mulheres afegãs sofreram violência física, sexual ou psicológica, ou foram vítimas de um casamento forçado, de acordo com os números citados em um relatório da organização não governamental Oxfam no mês passado.

sábado, 29 de octubre de 2011

1º Aniversário da obra do Senhor em Lima-Peru.

    No último dia 24 de outubro, a obra do Senhor em Lima, capital peruana, completou o seu primeiro aniversário. Júbilo, ações de graças, salvação, libertação, curas e a poderosa presença de Deus foram as características desse momento tão especial para todos os que estão envolvidos nessa obra santa, do nosso Deus de amor.
    Estivemos agradecendo ao Senhor durante três dias: 23,24 e 25 de outubro de 2011, pelos doze meses de muitas provas e vitórias. Nesse período, contamos com a presença de vários servos de Deus, entre os quais o Pr. Dionísio (Lima), Pr. Marcos Tulio (Piura), Pr. Everson Pereira (Piura), Pr. Jorge Chavez (Lima). O mais gratificante foi ver oito almas se renderem aos pés do Senhor nesses três dias. E os nossos dois primeiros auxiliares da igreja foram separados para o serviço da casa do Senhor, nascendo assim os primeiros obreiros. 
    Mais de duzentas mensagens foram enviadas por nossos irmãos e amigos através do ORKUT, FACEBBOK, HOTMAIL y do nosso BLOG, cada uma delas foi lida e não faltaram lágrimas de alegria e gratidão dos irmãos ao escutarem palavras de tamanho amor e compromisso. Dessa forma nossos corações foram inundados de um gozo inexplicável. Na ocasião foram inaugurados os corais de jovens (“Adoradores de Cristo”), com 12 componentes, e o das irmãs do círculo de oração (“Heroínas de La Fé”), com sete servas de Deus.
    São momentos como esses que nos mostram quão incapaz é a nossa linguagem, para expressar o que sente o nosso coração. Apenas o Criador, que esquadrinha a nossa mente pode ver o que vai dentro em nós.
    Somos conscientes de que é apenas o início e que ainda falta muitíssimo caminho pra percorrer, porém quando olhamos para trás e nos lembramos que apenas há um ano passado não conhecíamos nenhum peruano, como Deus nos fez encontrar um apartamento para viver, no primeiro dia em que chegamos nessa imensa cidade de nove milhões de habitantes, como abriu as portas para que comprássemos um carrinho para a sua obra, como passamos vários meses fazendo culto apenas a gente e as nossas filhinhas, como a saudade não somente do Brasil, mais também do Equador nos apertou... Quando nos lembramos de tudo isso e de muitas outras coisas mais, é impossível não chorar.
    Agradecemos a Deus, com toda força dos nossos corações, com toda nossa alma e com toda nossa fé por tudo o que Ele tem feito por nós e principalmente por tudo o que Ele está fazendo pela sua obra no solo peruano.
    Aproveitamos essa data para reiterar o nosso compromisso de gastar-nos e deixar-nos gastar pela obra do Mestre, na esperança de receber das mãos marcadas pelos pregos na cruz, o galardão e a vida Eterna com o Pai, naquele tão esperado e almejado dia, a partir do qual estaremos para sempre com o Senhor.

Terremoto, o segundo, e eu dirigindo NOVAMENTE!


Um forte terremoto de 6,7 graus foi sentido na sexta-feira em Lima e em várias cidades do Peru, gerando pânico na população, que durante vários minutos esvaziou escritórios e casas na capital.
De acordo com as autoridades, o tremor deixou 83 feridos, 132 casas desabadas e 660 desabrigados.
Os maiores danos foram registrados na cidade de Ica, 325 km ao sul de Lima, de 124.000 habitantes.
A imprensa local informou que o terremoto foi sentido em várias cidades costeiras e dos Andes, onde ocorreram cenas de pânico, apesar de até agora não terem sido informados danos ou vítimas.
Também ocorreram cortes nas comunicações telefônicas, que já foram restabelecidas.
O Instituto Geofísico do Peru informou que o terremoto foi de 6,7 graus na escala Richter e ocorreu às 13h54 locais (16h54 de Brasília), a cerca de 220 km ao sul de Lima, no Oceano Pacífico, a uma profundidade de 40 km.
"O epicentro foi perto da costa. Foi sentido em boa parte da serra, como Cuzco, Arequipa e Ayacucho, apesar de ali ter tido menor intensidade", disse o diretor do Instituto Geofísico, Hernán Tavera.
O Centro de Alertas para Maremotos do Pacífico não emitiu alerta, apesar de ter advertido que os terremotos dessa magnitude podem causar maremotos destrutivos.
O terremoto desta sexta-feira teve seu epicentro na mesma região onde em 15 de agosto de 2007 ocorreu um forte tremor, de 7,9 graus, que provocou a morte de mais de 500 pessoas.

miércoles, 28 de septiembre de 2011

11 Meses da obra em Lima/Perú.



A obra do Senhor é recheada de momentos que nos fazem rir e chorar e aqui no Perú não é a exceção. Já somos mais de 60 crentes! Nesses onze meses realizamos duas concentrações evangelísticas, um batismo nas águas y evangelizamos milhares de vidas. Por último recebemos a visita do pastor presidente da convenção e uma comitiva que o acompanhou. As orações da igreja têm chegando à presença de Deus e estamos vendo diariamente o Senhor libertar, salvar, curar e batizar com o Espírito Santo para a glória do seu nome. Agora vamos para o nosso primeiro aniversário que será realizado entre os dias 22 e 24 de Outubro de 2011. Agradeçamos juntos as vitórias alcançadas, as batalhas vencidas e pelo bom combate que travamos. Para o segundo ano da obra em Lima oramos ao Senhor que possamos continuar crescendo no número dos irmãos, na graça e principalmente na doutrina. Contamos com as suas orações e desde já agradecemos pelo seu apoio e de uma forma especial a todos os que nos tem escrito e participado mais diretamente dos nossos sofrimentos e vitórias. O segundo ano da obra no Perú será de maiores bênçãos da parte do Senhor.

Se você pode responder essa mensagem, ou ao menos enviar um versículo, estaremos lendo sua mensagem na nossa primeira oração missionária que realizaremos na nossa igreja no período do aniversário. Não se esqueça de informar o nome da sua congregação. 

11 Meses de La obra en Lima/Perú.

La obra del Señor es llena de momentos que nos hacen reír y llorar y aquí en Perú no es una excepción. Ya somos más de sesenta creyentes! En esos once meses hicimos dos campañas evangelísticas, un bautismo en las aguas y evangelizamos millares de vidas. Por último recibimos la visita del pastor presidente internacional y una comisión que lo acompañó. Las oraciones de La iglesia han llegado a la presencia de Dios y estamos viendo diariamente el Señor liberar, salvar, sanar y bautizar con el Espíritu Santo para la gloria de su nombre. Ahora vamos a nuestro primero aniversario que será realizado entre los días 22 e 24 de Octubre del 2011. Agradezcamos juntos las victorias alcanzadas, las batallas vencidas y por el buen combate que llevamos a cabo. Para el segundo año de la obra en Lima oramos al Señor para que podamos continuar creciendo en el número dos hermanos, en la gracia y principalmente en la doctrina. Contamos con sus oraciones y desde luego agradecemos por su apoyo y de una manera especial a todos los que han enviado mensajes y participado más directamente de los sufrimientos e victorias. El segundo año de la obra en Perú será de más grandes bendiciones de la parte del Señor.


Si usted puede responder ese mensaje, o enviarnos un versículo, lo estaremos leyendo en nuestra primera oración misionera en el período del aniversario. No se olvide de informar el nombre de su congregación.


sábado, 3 de septiembre de 2011

Poesia de Gunnar Vingren - Missionário sueco.

Quando me sinto fraco, não tenho mais vigor,
Não vendo mais o brilho do sol, da clara luz;
Jesus está comigo, é meu Consolador;
Ele jamais me deixa, pois sempre me conduz.

Sua graça me basta a mim, a mim,
Sus graça me basta a mim;
Na vida d'aquém, no céu também,
Sua graça me basta a mim.

Quando a tempestade vem contra mim feroz,
Nas trevas navegando com minha embarcação,
Cristo Jesus me anima, ouço a Sua voz;
"Eis que estou contigo, por que temer, então?"

Quando m'atingem os dardos do inimigo audaz,
Que busca com astúcia a vida me tirar,
Eu clamo, então, a Cristo, meu Salvador veraz,
O qual me dá vitória, se nEle eu confiar.



(Hino 79 da Harpa Cristã) - do missionário Gunnar Vingren.

miércoles, 24 de agosto de 2011

TERREMOTO NO PERU - O primeiro desde que chegamos !!!


Prédio da Assembleia Legislativa do Acre foi esvaziado após tremor (Foto: AE)

Nosso primeiro terremoto no Peru, desde que chegamos, não sentimos estávamos dirigindo e o trânsito parou sem que soubéssemos que era por isso. Sengundo o IGP - Órgao peruano encarregado de medir abalos) foi sentido levemente na capital, Lima. Segue uma reportagem da agência internacional de notícias AFP:

Um terremoto de 7 graus na escala Richter sacudiu esta quarta-feira o território peruano e foi percebido claramente no Brasil, mas não provocou vítimas ou danos significativos, segundo as autoridades.

"O movimento foi de 7,0 graus na escala Richter às 12H46 (locais, 14H46 de Brasília), com epicentro (situado) 44 km a sudeste de Contamana (região de selva), a 149 km de profundidade", afirmou Hernando Tavera, chefe do Instituto Geofísico do Peru, à AFP.

O Observatório de Sismologia da Universidade de Brasília informou que o tremor foi sentido em algumas cidades e áreas povoadas do Acre, incluindo a capital Rio Branco, mas não há informação sobre danos na região.

"Foi um terremoto mais ou menos forte, o que significa que pode ser sentido em um raio de 1.000 km, mas como foi muito profundo e em uma área pouco povoada, o impacto acabou muito atenuado", disse à AFP a chefe do Observatório de Brasília, Lucas Vieira Barros.

Guillermo Alvizuri, diretor de operações da Defesa Civil, disse a meios de comunicação locais que "até o momento não há informação de danos materiais, ou vítimas. Neste momento, nenhuma das maiores cidades registrou danos, nem mesmo Pucallpa", capital mais próxima do epicentro, a 80 quilômetros do local.

"Foi sentido com força, mas não há danos reportados, exceto algumas interrupções em linhas telefônicas", acrescentou.

Segundo Alvizuri, as autoridades estão tentando entrar em contato com os povoados menores, como a própria Contamana, uma cidade de 17.000 habitantes, na Amazônia.

Tavera disse, por sua vez, que apesar de ter sido um sismo de 7 graus, não foi sentido com tanta força devido à profundidade do epicentro (149 km).

"Pode-se considerar que é um sismo de intensidade moderada pela profundidade que teve", disse Tavera.

"É o sismo mais forte que tivemos no Peru este ano e se deveu a um deslocamento da placa de Nazca", acrescentou, confirmando ser "pouco provável que tenham ocorrido danos".

Em Lima, o tremor foi sentido com intensidade regular, balançando por alguns segundos os edifícios mais altos.

jueves, 11 de agosto de 2011

Controle Total !!!

O avanço do controle total

Um software que denuncia crimes antes mesmo que sejam cometidos é ao mesmo tempo fascinante e assustador. Uma experiência no Sul da Inglaterra mostra que isso já é possível. Algo está sendo feito em busca da vigilância total.

No filme de ficção científica “Minority Report”, que se passa em 2054, crimes capitais como assassinatos não ocupam mais as manchetes. Uma unidade especial da polícia, chamada “Pré-Crime”, auxiliada por três paranormais, detecta todos os atos de violência antes que aconteçam, e prende os criminosos potenciais a tempo...

Os produtores desse filme de Hollywood se enganaram em apenas três aspectos: esses sistemas já existem hoje, e não somente em 2054. Segundo: no mundo real a tarefa dos “videntes” do filme é assumida por um software inteligente. E, em terceiro lugar: a história não se passa em Washington DC, mas em Portsmouth, no Sul da Inglaterra.

Essa cidade portuária de 200.000 habitantes, no condado de Hampshire, está testando há algum tempo um novo sistema de videovigilância. A característica especial: em vez dos métodos de vigilância normais, que requerem muito pessoal devidamente treinado, esse sistema usa um programa chamado “Perceptrak”, que busca comportamento suspeito nas imagens analisadas e aciona o alarme quando necessário.[1]

O relato também destaca que atualmente já há 4 milhões de câmeras de vigilância instaladas na Inglaterra, o que representa uma câmera para cada 14 habitantes. Em Londres, por exemplo, é grande a probabilidade de ser filmado até 300 vezes por dia. A organização de direitos civis “Liberty” está preocupada porque essa tecnologia oferece cada vez mais facilidades para o governo “vigiar cada passo do cidadão”.

O assustador nessa tecnologia é que o indivíduo sente-se cada vez mais vigiado e, em breve, poderá ter todos os passos seguidos. Aquilo que pode contribuir para a segurança do Estado forçosamente se tornará um fator de grande insegurança para o indivíduo. Mas é fascinante como a profecia bíblica se mostra atual, como seu cumprimento é exato e como a Palavra de Deus é verdadeira. Afirmações feitas há mais de 2000 anos estão se realizando diante dos nossos olhos. Algo está acontecendo, aproximando-nos cada vez mais rápido de Apocalipse 13. Está sendo criado um sistema que finalmente servirá de ferramenta ao vindouro Anticristo.

Já há 4 milhões de câmeras de vigilância instaladas na Inglaterra, o que representa uma câmera para cada 14 habitantes.

Se hoje em alguns lugares um cidadão já é filmado até 300 vezes num só dia, não é difícil imaginar a abrangência que o sistema anticristão terá.

Desde o começo o objetivo de Satanás era “ser como Deus”: “Subirei acima das mais altas nuvens e serei semelhante ao Altíssimo” (Is 14.14). Portanto, não é de admirar que o Diabo tenha seduzido o primeiro casal com este mesmo argumento: “Porque Deus sabe que no dia em que dele comerdes se vos abrirão os olhos e, como Deus, sereis conhecedores do bem e do mal” (Gn 3.5).

Ser como Deus significa ser onipotente, onisciente e onipresente. Nenhum anjo, nenhum demônio, nem mesmo Satanás tem essas características. O sistema anticristão final tentará alcançar esse alvo. Todas as pessoas devem ser vigiáveis e influenciáveis em qualquer lugar em que estiverem. Isso dará ao Anticristo um poder imensurável. Pois aquele que tem controle total e consegue observar qualquer pessoa, também pode influenciar e determinar as ações de qualquer um. Ele pode tirar alguém do meio do trânsito, excluí-lo da sociedade, da vida em comunidade e isolá-lo. É exatamente o que a Bíblia prevê, a respeito do que já alertamos diversas vezes.

“Seduz os que habitam sobre a terra por causa dos sinais que lhe foi dado executar diante da besta, dizendo aos que habitam sobre a terra que façam uma imagem à besta, àquela que, ferida à espada, sobreviveu; e lhe foi dado comunicar fôlego à imagem da besta, para que não só a imagem falasse, como ainda fizesse morrer quantos não adorassem a imagem da besta. A todos, os pequenos e os grandes, os ricos e os pobres, os livres e os escravos, faz que lhes seja dada certa marca sobre a mão direita ou sobre a fronte, para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tem a marca, o nome da besta ou o número do seu nome. Aqui está a sabedoria. Aquele que tem entendimento calcule o número da besta, pois é número de homem. Ora, esse número é seiscentos e sessenta e seis” (Ap 13.14-18).

A última sedução virá pelo caminho da “sensatez”. Câmeras de vigilância ajudam a prevenir assaltos e seqüestros. Elas auxiliam a combater o terrorismo de forma eficiente e a esclarecer acidentes. Quem não concordaria que isso é bom? Mas o homem, influenciado pelo pecado, sempre consegue usar para o mal algo foi planejado para o bem. A descoberta da dinamite e da fissão atômica deveriam trazer progresso aos homens, mas foram abusadas e transformadas em formas terríveis de extermínio da humanidade.

Quanto mais o homem se separa de Deus, mais ele buscará a própria onipotência. Ao se fazer independente de Deus, ele mesmo se eleva como se fosse Deus. Mas, em vez de vida, ele encontra perdição e morte.

Se hoje os sistemas de controle já estão tão avançados em tantas áreas, e os desenvolvimentos são cada vez mais rápidos, quão próximo estará o cumprimento do Apocalipse e dos acontecimentos que ele descreve?

Entretanto, nós temos a promessa: “Não temais, ó pequenino rebanho; porque vosso Pai se agradou em dar-vos o seu reino” (Lc 12.32). (Norbert Lieth - http://www.chamada.com.br)

sábado, 6 de agosto de 2011

Silasmalafóbicos...


Você já deve ter ouvido falar em homofobia e o seu significado lógico e comum. A questão, é que com muita malícia ligada a certa nocividade e sutileza, ativistas gays e parte comprometida da nossa "grandiosa imprensa imparcial" (para não dizer o contrário), andam associando as pregações, preceitos e conceitos bíblicos a uma ideia discriminatória que eles mesmos distorcem na intenção de se tornarem "únicos", "privilegiados", "incriticáveis" e "intocáveis" (Não é gayan willyket?).

Em defesa da moral, da ética, dos bons costumes e da família (instituição divina), muitos honestamente (e corajosamente) têm se levantado para erguer essa bandeira, mostrando que discordar da prática sodomita e homossexual, não tem nada haver com o "tal ódio" que os próprios ativistas gays e adeptos propagam e promovem. Com isso, não será difícil encontrar pessoas que odeiam aqueles que prezam pela moralidade e pela família. Como acontece no caso do Pr. Silas Malafaia, que com muita hombridade, coragem e franqueza, luta contra os SILASMALAFÓBICOS (pessoais que se dizem amáveis, amorosas, mas que na verdade são intolerantes e desenvolvem uma série de atitudes e sentimentos malignos ou negativos em relação ao Pr. Silas Malafaia). Se muitos pudessem, já teriam calado ou matado o nobre pastor (isso a mídia não fala).

Agora, querem nos obrigar a assistir uma tentativa banal de criar um desastroso suposto 3º sexo (criado pelos "amáveis amorosos amantes") que serão adestrados a criticar livremente quem quer que seja (Deus, pastores, padres, presidente da república, deputado, senador, instituições) sem sofrer qualquer tipo de perseguição ou represália. É lamentável a situação em que se encontra parte da nossa sociedade. Aos SILASMALAFÓBICOS, um aviso: Cuidado! Todo o mal que vocês estão plantando, alimentarão a vocês mesmos num futuro muito próximo! Que Deus tenha misericórdia de todos vocês!








Missionário Elder de Morais

martes, 2 de agosto de 2011

Teto (limite) da divida americana, enfraquecimento do dólar e o anticristo.


Nos últimos dias o mundo esteve em suspense pelo grave problema da dívida americana. O perigo de um “default” (moratória em inglês), por parte da ainda, maior economia do mundo, soou como uma possibilidade real para os mercados financeiros, fazendo as bolsas despencarem pelo mundo a afora.

A economia americana há muitos anos vê, dia após dia, sua força ser cada vez menos produtiva. Com o baixo custo da mão de obra asiática, as grandes empresas têm instalado seus parques de produção no longínquo oriente,especialmente na China, deixando apenas, seus escritórios centrais no país do norte. Os Estados Unidos tem visto sua economia depender cada vez mais dos bens de serviços e alta tecnologia, áreas que não durante muito tempo dominaram no mundo, pois vemos muitos países se aproximando rapidamente ao nível da super potência. Além disso, os Estados Unidos tem se visto obrigado a gastar cada vez mais, e isso desde o governo de Reagan, quando praticamente tudo começou para a caída da maior economia de todos os tempos. As caríssimas guerras, a crise imobiliária, a maior crise econômica desde a grande depressão, somada às práticaseconômicas de Walt Street,só tem levado a um ponto: o enfraquecimento da maior economia do mundo. Em outras palavras, as menores arrecadações de impostos, o aumento escandaloso do gasto do governo, o surgimento de novas guerras e o perigo do terrorismo, tem levado a terra do tio San à beira do caos.

O teto da dívida foi elevado em 2,4 trilhões de dólares, e em dez anos a dívida americana será mais de 150% o valor do seu BIP. O ritmo de crescimento, na melhor das previsões não vai superar 1,5% ao ano nesse mesmo período. Enquanto isso os países emergentes como China, crescerão a um ritmo de 10% ao ano, Índia a 6% e Brasil a 4,5%.

O grande problema é o enfraquecimento do dólar, que leva quase todos os países do mundo, clientes fieis do FED (fundo de reserva dos Estados Unidos), os quais têm adquirido os famosos bônus do tesouro americano, à beira do desespero. Na verdade, países como a China, que um dia sonharam em ter cada vez mais influência sobre a tal famosa economia compra ndo sua dívida soberana, agora, já não sabem o que fazer com tanto papel, que dia após dia vai perdendo valor de forma meteórica. Todas as economias mundiais cujas reservas são em dólar, estão vendo dia após dia o modelo atual da economia se esgotar sem poder fazer muita coisa. A grande questão é: como deixar os Estados Unidos ruírem sem destruir os que aceitaram seus cheques?

Nesse contexto de loucura econômica, a poderosa palavra de Deus mais uma vez triunfa como a voz profética que vai brilhando em lugar tenebroso. Para o surgimento do “salvador” do planeta, como será reconhecido o anticristo, o mundo deve estar à beira do caos, mesmo que a maioria da população não perceba isso. Os mais poderosos governos do planeta entregarão ao homem do pecado sua autoridade, como vemos claramente em Ap. 17.13, por causa do desespero dos grandes líderes mundiais em frente ao desastre financeiro iminente, entre outros fatores. Um homem que será o suficientemente inteligente para apresentar uma nova moeda, livre dos papeis americanos, ou mesmo um dólar mundial, renovado e com poder de reserva e compra, livre da gerência de um só país.

O que quase ninguém está vendo é que o aumento da dívida americana gera um ciclo vicioso de endividamento, enfraquecimento do dólar, e o mundo cada vez mais se aproximando do colapso precisando de um “salvador” urgentemente. Como Jesus não é do tipo, que eles (os homens) querem, então aceitarão de braços abertos um salvador sem essas manias de santidade, amor ao próximo, humildade; mas um que seja arrogante, altivo e belo, e então cometerão o maior erro de todos os tempos, e coroarão o Anticristo, abrindo o caminho para a grande tribulação.

lunes, 25 de julio de 2011

Como fazer uma igreja crescer?


Deus tem me abençoado muito, e toda igreja onde tenho pastoreado, pela sua infinita graça, tem crescido de maneira abençoada. Hoje, pela misericórdia do Senhor, estou abrindo mais uma obra, uma extensão do reino, um grupo de fiéis.

Mas, o que na realidade eu tenho aprendido é que, homem nenhum nesse mundo faz uma igreja crescer. Podem regar, podem plantar, mas somente Deus tem poder de fazer crescer sua igreja, sua noiva, o seu povo. Nem todos os métodos, projetos, “sonhos”, muito trabalho, sacrifício, nada o que vc possa fazer gerará por si só o tão desejado crescimento. Mas espere um momento, tenha paciência. Deus não fará tudo o que tem que ser feito, Ele dará o crescimento, se vc fizer a sua parte.

Vejamos os passos que um homem ou uma mulher devem dar para que Deus dê o crescimento à sua igreja. Tomando como base 1 Co. 3.6, é fácil identificar apenas duas tarefas que o homem pode desempenhar: plantar e regar. Veja alguns conselhos:

1. Evangelize – Deus não prega o evangelho, nem os anjos. Evangelize de todas as formas que estejam ao seu alcance: Rádio, Tv, na rua, ar livre, de casa em casa. Não dê lugar à preguiça, não tenha vergonha nem veja as dificuldades, apenas evangelize.

2. Visite – Faça um acompanhamento dos que entregam suas vidas a Cristo. Visite os crentes, principalmente os que estão passando por momentos difíceis.

3. Ore – Preste contas a Deus do seu trabalho, lute em oração pelos seus “filhos” na fé. Um líder de obra que não ora é um zero a esquerda, pior que um cachorro sem dentes, é como cão de guarda preguiçoso, mudo, nada compreende guardando as ovelhas do seu Senhor.

4. Paciência – Não se desespere, a planta vai nascer; semeando da forma certa, regando na medida correta, nasce porque nasce. Descanse. Quem faz bem feito, pode descansar.

Existem alguns que não sabem esperar Deus dar o crescimento, e começam a tomar atributos que só pertencem a Deus. Terminam sendo instrumentos nas mãos do diabo para afligir outros servos de Deus. Vão aí alguns conselhos para quem está sendo tentado a crescer muito rápido, correndo sem paciência:

1. Vença a tentação de ser pescador de aquário. Deus pode até permitir que convenças crentes de outras igrejas saírem para te “ajudar”, no entanto Deus cobrará de ti. Haverá um servo de Deus chorando por tua atitude e saiba que você vai colher, e o mal que estás fazendo sobre ti virá. Tenho visto muitas igrejas crescerem com crentes de outras partes, é lamentável o final deles, vergonhoso. Deus perdoa, mas, creia, não tem o culpado por inocente.

2. Vença a tentação do “pode tudo”. Alguns, no desespero de ver a igreja crescer, oferecem doutrina fácil, o tão conhecido “facilismo”. Tornam a igreja em clubes esportivos, outros a transformam em pista de dança e ainda dizem “é pra atrair os jovens”. Já não é o sangue de Jesus que atrai, é o esporte e a dança, teatro, etc. Já não importa a autenticidade do evangelho é necessário algo mais.

3. Não aceite membro na igreja de todo jeito, crente tem quer ser transformado, não perfeito, mas santo. A falta de bom testemunho entre os fieis freia consideravelmente o crescimento da obra do Senhor. Obreiro sem exemplo moral nem falar... Uma das causas mais fortes que impedem um vertiginoso crescimento da obra do Senhor é que muitos líderes já não são irrepreensíveis e o mau exemplo deles afasta um número maior que o número de pessoas que são atraídas pelo evangelho.

Poderíamos fazer muitas outras considerações sobre o crescimento da igreja, nem de longe um simples comentário esgota o tema, mais aí está um bom inicio para uma reflexão mais extensa, no futuro, sobre que tipo de crescimento podemos observar hoje em dia.

sábado, 23 de julio de 2011

O poder de um olhar... carnal...


Tudo começou com um olhar. O homem segundo o coração de Deus adulterou, matou e enganou a Israel, tentou enganar a Deus, e foi infiel com o pacto e a promessa, mas tudo começou com um olhar. Ele não podia imaginar que o resultado seria a sedição do seu filho, incesto na família, irmão matando irmão, a violação pública de suas mulheres, a perda do trono, a vergonha da maldição, o opróbrio da fuga, a angútia desesperante da traição. As conseqüências que teve que viver o maior estadista de Israel, de todos os tempos, começou apenas com um olhar.

Não é demais ter mais cuidado para onde estamos olhando, ou para onde vamos olhar. A palavra de Deus diz que os nossos olhos são a lâmpada do nosso corpo, os quais sendo bons, todo nosso corpo será bom, do contrário todo o nosso corpo será mau. A mesma escritura nos diz que devemos ungir os nossos olhos com colírio para que possamos ver melhor. Todo cuidado é pouco, não basta orar, é necessário manter toda a vigilância. O desejo dos olhos é um dos grandes vilões da humanidade e o meio pelo qual Satanás há mantido muitos aprisionados.

Tenha cuidado com o que vc verá na internet, vigie quando anda pela rua, onde fixa o seu olhar. Inclusive, com a lascívia alarmante dentro de nossas igrejas... tenha cuidado quando vai ao templo, aí é um lugar de muito perigo, roupas sensuais estão abundando nas senhoras e senhoritas da igrejinha do Senhor. Já ouvi de muitos servos do Senhor, que preferem ficar olhando só pro teto da igreja para não pecar com o olhar. Peça a Deus olhos ungidos, e saiba que muito mal e desgraça na sua vida podem começar apenas com um olhar.

No demais fica para reflexão o compromisso do salmista nas seguintes palavras: “Não porei coisa (má) injusta diante dos meus olhos”.

La paz del Señor.

lunes, 11 de julio de 2011

Deus está fazendo a obra CRESCER !




Dias de júbilo na presença de Deus: seis almas se entregaram para Cristo, dois crentes foram batizados com o Espírito Santo, 11 discípulos foram batizados nas águas no nosso primeiro batismo em Lima, foi realizada a primeira santa ceia com a igreja, antes somente éramos eu e Rebeca, tudo isso durante as comemorações dos oito meses da igreja em Lima, também apresentamos ao Senhor as primeiras duas crianças, na santa ceia.

Que todos saibam que Deus está respondendo às orações dos que clamam por missões. Depois de oito meses trabalhando para o Senhor nesta cidade, o nosso Deus, cada dia, está acrescentando à igreja os que hão de salvar-se. Já são mais de 50 servos de Deus, entre crianças e adultos, que não vieram de nenhuma igreja, mas simplesmente não conheciam a Cristo, ou estavam afastados dos caminhos do Senhor.

Os irmãos ficaram como crianças escutando as palavras do primeiro pastor vindo da igreja mãe a visitar o pequeno rebanho. O meu pai, o pastor Antônio Verçosa e a minha mãe a irmã Noêmia Chagas estiveram conosco neste período e foram instrumentos de Deus para a edificação do seu povo.

Pedimos as orações dos servos de Deus para que Senhor nos conceda seguir trabalhando com alegria e fazer a sua obra com satisfação, sabendo que há um grupo de servos e servas de Deus nos apoiando em um incessante clamor por missões.

domingo, 10 de julio de 2011

Carta enviada a Abreu e Lima...


Com muito gozo nos nossos corações lhe informamos das muitas misericórdias de Deus nas nossas vidas e na obra missionária aqui no Peru. Desejando que a sua saúde e o seu ministério, bem como toda a sua família sejam alvos da maravilhosa graça continuamente.

Nestes últimos dias pudemos observar quão grande é a bondade de Deus para com esse país permitindo a realização do nosso primeiro batismo nas águas, quando 11 candidatos desceram as águas batismais. Também realizamos a nossa primeira Santa Ceia com os irmãos o que foi um marco histórico neste lugar. Varias pessoas têm entregado suas vidas ao Mestre e o nome de Jesus há sido grandemente glorificado. No domingo passado (3/07) Jesus batizou a dos crentes com o Espírito Santo os quais, claramente, falaram em línguas estranhas pela primeira vez. Tudo está bem! Também realizamos nossa segunda concentração evangelística onde Jesus salvou duas almas para o reino.

O meu cuidado especial tem sido com a sã doutrina da qual não abriremos mão. Somos Assembléia de Deus, de uma igreja conservadora de seus bons costumes e totalmente comprometida com a palavra de Deus e o mesmo trabalho que realizamos no Brasil e no Equador estamos realizando no Peru para a gloria de Jesus.

Esperamos sua visita em setembro, enviamos saudações a nossa igreja no Brasil, e agradecemos as orações missionárias, aos jovens, adolescentes, as irmãs do círculo de oração, a todos os obreiros e especialmente as crianças que eu sei não se esquecem de orar por nós.

Para meditação de todos: Mal. 3.18.

Lima, 09 de Julho de 2011.



Missionário Assuero.

viernes, 8 de julio de 2011

Novos crentes são batizados com o Espírito Santo...

Dois crentes foram batizados com o Espírito Santo, no último domingo, 3 de Julho de 2011. O culto foi verdadeiramente um avivamento, o qual para existir, deve ser caracterizado pelo desejo de levar o evangelho aos perdidos, anelo por santidade com uma autêntica postura de arrependimento de obras mortas e o amor genuíno. A mensagem da palavra de Deus, pregada com autoridade, não foi uma manifestação de uma teologia da prosperidade barata mas uma mensagem, por meio da qual o Espírito Santo se moveu trazendo liberdade. Onde Ele está há liberdade. O revestimento de poder veio depois de um profundo clamor inspirado nas mais formosas passagens bíblicas sobre a unção do Espírito Santo em forma de poder para a igreja. E como sinal, as línguas estranhas soaram como música aos ouvidos do Criador que viu mais uma vez a sua promessa cumprir-se na vida dos fieis. Aconteceu no dia de pentecostes; na rua Azuza; em Belém do Pará; em Abreu e Lima e também no PERU.

Isso me faz lembrar no dia em que eu recebi o batismo com o Espírito Santo. Depois de dois anos buscando incessantemente, entre vigílias e jejuns, na tarde do dia 14 de Abril de 1996, às 16:30h, na Assembléia de Deus de Pau Amarelo, quando o então evangelista Joabe Gomes põe a mão na minha cabeça e diz: "em nome de Jesus receba o batismo com o Espírito Santo", eu falei em línguas estranhas pela primeira vez.

Rejeitando com toda força as“novas” e “estranhas” doutrinas que estão surgindo sobre o tema, como a "unção" do cai-cai, por exemplo. A doutrina do batismo com o Espírito Santo é facilmente observada nas escrituras, sendo um revestimento de poder, o dom de Deus, o poder prometido, o selo, ser cheio do Espírito Santo tendo como sinal, claro e irrefutável o falar em outras línguas conforme o Espírito Santo conceda. Sobre o sinal, não estamos falando de monossílabas (La La La – Le Le Le), estamos falando de línguas organizadas.

No domingo 3 de Julho, Jesus voltou a cumprir sua promessa na nossa igreja em Lima batizando a mais dois crentes com o Espírito Santo, para a glória do seu santo nome: o irmão Guillermo Saenz e a irmã Maria Eugenia. Vc que está lendo essa postagem está convidado a participar em oração desse clamor que dia a dia realizamos para o engrandecimento do nome de nosso Senhor Jesus nesta cidade. Toda honra e glória a Jesus, nosso Salvador.

sábado, 25 de junio de 2011

8 MESES DE MILAGRES DE DEUS - NOSSO PRIMEIRO BATISMO NAS ÁGUAS !




Entre louvores ungidos, uma grande alegria nos corações e um enorme sentimento de agradecimento, foi realizado o primeiro batismo nas águas da pequena igreja em Lima. Onze vidas que recém nasceram, desceram as águas, tal como o fez o Mestre no histórico Jordão. Tema da mensagem do culto de ontem, Jesus foi o mais importante a ser batizado entre os que criam, e ontem, como naquele dia, o céu se abriu, o Pai falou e o Espírito Santo desceu sobre os seus. Aqueles que há apenas alguns meses atrás não conheciam o Cristo da cruz, se regozijavam na presença do que havia ordenado: Ide Por todo o mundo batizando em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Os corações dos nossos poucos crentes algo entorno de 60 irmãos, notavelmente pulavam de alegria ao ouvir, pela primeira vez servos do Senhor, membros da igreja mãe falarem a palavra de Deus, além de nós. Estiveram presentes o meu pai, Pr. Antônio Verçosa e a minha mãe, Noêmia Chagas. Pela segunda vez nos meus 11 anos de pastorado, tive o privilégio de batizar nas águas com o meu pai, a primeira vez foi em Catende, Brasil. O batismo nas águas marcou a abertura das festividades de oito meses da humilde igreja em Lima, e tudo foi lindo, como mostram as fotos para a glória do Salvador.

sábado, 11 de junio de 2011

CINCO ANOS DE PRISÃO PARA UM CRISTÃO POR CAUSA DE UM CD



Argel, 11 jun (RV) – “Ele deu um CD para um vizinho e por isso vai passar cinco anos na cadeia”. Com estas poucas palavras, o Pastor Mustapha Krim, presidente da Igreja Protestante da Argélia, resumiu para a Compass Direct News a condenação do cristão evangélico Siaghi Krimo. O tribunal do distrito de Djamel, em Orã, cidade portuária a 470 quilômetros a oeste da capital Argel, condenou o cristão a uma pena de cinco anos de cadeia e multa de 200 mil dinares (quase 2.760 dólares) por ter “ofendido” o Profeta.

Krimo, casado e pai de uma menina de 9 meses, teve dez dias para apelar. A condenação foi emitida no último 25 de maio. O homem foi preso com outro cristão, Sofiane, pelos serviços de segurança da Argélia, em 14 de abril. Solto depois de três dias, Krimo foi levado ao tribunal em 4 de maio. Quem acusou o cristão de proselitismo e blasfêmia contra o profeta Maomé foi seu vizinho muçulmano, a quem Krimo dera um CD e com quem discutira sobre a fé cristã.

Chama a atenção que todo o processo contra Krimo se desenrolou em ausência da única testemunha da suposta blasfêmia: o próprio vizinho muçulmano. Também faltou qualquer tipo de provas materiais. Este “detalhe” não impediu o juiz de ir além da pena exigida pelo representante da fiscalização. A pena preventiva proposta era de dois anos, com multa de 50 mil dinares, mas o juiz infligiu ao réu o castigo máximo previsto no Código Penal da Argélia pela violação do artigo 144.

Esse artigo, que poderia ser definido como a versão argelina da lei paquistanesa da blasfêmia, prevê condenações preventivas de até cinco anos de prisão para quem ofender o Profeta ou “os mensageiros de Deus”, e também para quem “denegrir os dogmas e preceitos do islã através de textos escritos, desenhos, declarações ou qualquer outro meio”.

A rigidez da condenação deixou a comunidade cristã da região boquiaberta. “Se eles começarem a aplicar a lei desse jeito, significa que não existe respeito pelo cristianismo”, declarou o diretor da EPA, Mustapha Krim, que teme o pior. “Muitos cristãos da Argélia vão parar na cadeia”, disse. “Se o simples fato de dar um CD para o vizinho vai custar cinco anos de cadeia, então é uma catástrofe”.

Para analistas, a sentença reflete uma nova postura do governo do presidente Abdelaziz Bouteflika (no poder desde 1999) contra as igrejas evangélicas. Simbólica para o clima instalado no país é a decisão do governador da província de Bejaia, Ahmed Hammou Touhami, de ordenar o fechamento definitivo dos sete lugares de culto protestantes dessa província nordestina, dois dos quais na cidade de Cabilia.

Em declaração enviada à EPA em 22 de maio, o governador explicou sua decisão escrevendo que todas as igrejas da província eram ilegais por não estarem registradas pela autoridade, como obriga a lei.

“Não somos contra o exercício de cultos diferentes do Islã. Só convidamos as comunidades religiosas não muçulmanas a respeitar a lei”, defendeu-se o governador. A Argélia conta hoje com mais de 99 mil cristãos, que representam menos de 0,3% da população, composta por 35,4 milhões de habitantes. (SP)

viernes, 3 de junio de 2011

AJUDE A GENTE NESSE DESAFIO.

Dias 24,25,26 de Junho, estaremos agradecendo a Deus pelos oito meses da obra do Senhor em Lima, capital do Peru, essa é a nossa programação:

24 - Batismo nas águas e 1ª Santa Ceia com toda a igreja*.
25 - Concentração Evangelística.
26 - (Manhã) Palestra para Cavalheiros -Tema: Quando Deus chama; transforma, prepara e envia. (Pr. Antônio Verçosa) - Essa aula tem como objetivo principal preparar os irmãos novos convertidos para o serviço do mestre, um incentivo para levantar obreiros.
26 - (Tarde) Palestra para as damas com a Irmã Noêmia Chagas.
26 - (Noite) Encerramento: Culto de Avivamento, oração por batismo com o Espírito Santo.

* No dia 24 de Outubro de 2010 foi inaugurada essa obra e Deus está respondendo as orações dos que clamam por missões.

A TODOS CONVOCAMOS A UMA CAMPANHA DE ORAÇÃO POR ESSE EVENTO, CONTAMOS COM VC.

domingo, 29 de mayo de 2011

Nossa Primeira Concentração Evangelística




Sábado, 28 de Maio de 2011 realizamos, para a glória do Senhor Jesus Cristo, nossa primeira concentração Evangelística que marcou os 7 meses de aniversário da obra em Lima Capital. Toda glória damos a nosso Deus. Nossa congregação esteve em peso e, graças damos ao Senhor que já passamos dos 50 irmãos. Louvado seja Deus! DUAS almas se renderam aos pés do Salvador, com lágrimas nos olhos. O culto foi muito cheio do Espírito Santo, a porta para mensagem o Senhor a abriu, as almas se entregaram a Cristo, e toda a nova convertida igreja esteve presente. Mas eu, acostumado desde jovem a fazer concentrações Evangelísticas, desde que era coordenador de setor da Umadal, estava um pouco decepcionado. Não tivemos um grupo tocando, só eu sabia pregar, a maioria nem sequer sabe saudar... então, como vcs podem imaginar, eu preguei, eu cantei, Rebeca cantou, falou, e mais dois irmãos sem jeito tiveram oportunidade. Durante o culto fui tentado a pensar que tinha me precipitado, que era pra esperar um pouco mais, pensei até em não voltar a fezer outro evento assim até ter "tudo" o que faltou. Mas ao ver as lágrimas nos olhos de quase todos, a presença de Deus que nos envolveu de uma forma tão singela, e ouvir os comentários dos irmão que diziam "pastor como foi tudo lindo" vi que é tal como está escrito. Foi uma prova certa que de nada valem muitos instrumentos, pessoas que toquem muito bem, pregadores famosos, uma organização "perfeita" se não há a presença de Deus. É essa presença que faz que tudo seja diferente. Vi mais uma vez que o evangelho da cruz é o que "ainda" atrai o pecador, que liberta o oprimido e salva o homem e a mulher. Glorifico a Deus por ver mais uma vez a sua mão poderosamente estendida sobre nós e usar-nos para a glória do seu nome. Oremos para que no próximo mês tenhamos tudo o que faltou, mas sem perder essa doce presença do Salvador...

viernes, 27 de mayo de 2011

“...e o que vem a mim, de modo nenhum o lançarei fora.”


Durante a história, muitos têm sido rejeitados em épocas e por razões diferentes. O sentimento de rejeição faz doer o coração de alguns filhos, de algumas mulheres e de muitos que foram descartados, abandonados, humilhados, traídos e esquecidos.

Que bom saber que o nosso Jesus nunca nos rejeitará, de modo nenhum, nunca isso acontecerá...

Homens e mulheres foram recebidos nos braços carinhosos do Pai Eterno depois de enfrentar duras rejeições.

Hagar – Desesperada e preocupada por seu filho, foi expulsa por Sara da casa do seu Senhor, enfrentou o deserto o, medo da morte, mas Deus não a rejeitou.

José – Obrigado a deixar o seio familiar, a proteção do seu pai e o carinho de Raquel, ainda adolescente enfrentou a solidão, o ocaso e o abandono, mas Deus não a rejeitou.

David – Detentor da promessa, no coração de Deus ungido rei sobre Israel, fugitivo durante muitos anos de sua vida, foi duramente perseguido por Saul seu rei. Aquele malvado homem mutilou a família de David, fez ele fugir do seu palácio, perder grande parte de sua juventude, mas Deus não a rejeitou.

Uma das especialidades de Deus é amar ao rejeitado, alimentar o faminto, dar carinho ao órfão, curar feridas d’alma e socorrer ao que não tem nenhum vigor. Se vc se sente assim lembre-se das palavras do Mestre: “de modo nenhum o lançarei fora.” Não importa como vc está, lembre: “de modo nenhum o lançarei fora.” Não importa a mancha, Ele limpa; apenas lembre: “de modo nenhum o lançarei fora.” Vá a Cristo, Ele te ama, te aconchega, te abraça, te recebe e não te rejeita.

Acmn2011

miércoles, 25 de mayo de 2011

Heresias do filme de Mel Gibson.

As visões místicas da freira Emmerick foram incorporadas ao filme

Analisemos, pois, algumas das muitas visões de Emmerick que transformaram-se em trechos do filme “A Paixão de Cristo”:

O tema do filme: Jesus é o nosso salvador e Maria a nossa força!

Esse é um dos filmes mais marianos que já assisti. Voltemos a analisar apenas algumas cenas de “A Paixão de Cristo”:

a) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que enquanto Jesus angustiava-se no Getsêmani, Maria, em sua residência, podia sentir o Seu tormento.

b) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que João e Pedro chamavam Maria de “Mãe”.

Pedro, ajoelhado, pedindo perdão a Maria por ter negado Jesus.

c) Já citei anteriormente que Pedro, após ter negado a Jesus três vezes, foi pedir perdão a “Mãe” Maria.

d) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que somente Jesus e Maria tinham capacidade de visualizar Satanás que estava presente durante todo o processo da crucificação.

e) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que Jesus, enquanto é barbaramente açoitado na região ventral e dorsal pelos romanos, cai ao chão exausto e olha para Maria no meio da multidão. Na seqüência, Jesus, como se Maria estivesse passando para Ele uma força energética, consegue ainda ficar em pé. O guarda romano atônito, exclama: “impossível!”. A mensagem nas entrelinhas foi passada: Maria é a nossa força!

Maria no andar superior, sentindo a presença de Jesus na prisão logo abaixo dela.

f) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que Jesus ficou preso em um compartimento numa prisão subterrânea e nem que Maria tinha poderes sobrenaturais. Lembram-se da cena? Maria se dirige a um local específico do prédio e se deita no chão com a cabeça encostada no chão, porque sentiu que era exatamente naquele ponto no andar inferior que Jesus estava preso. Então, a câmara passa por dentro do chão e mostra Jesus pendurado pelas argolas e olhando para cima em direção ao teto, exatamente em direção a Maria. A mensagem nas entrelinhas foi passada: Maria tem poderes paranormais!

g) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que Jesus, enquanto caminhava em direção ao Calvário e foi lhe dada a cruz para carregar, orou a Deus Pai, assim: “Sou teu servo, Pai. Teu servo, filho da tua serva”. A mensagem nas entrelinhas mais uma vez é passada: Jesus honra a Sua mãe Maria!

Maria socorrendo Jesus: “Estou aqui”.

h) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que Jesus, enquanto tombou no chão carregando a cruz, Maria saiu correndo ao Seu encontro, abraçou-O e disse: “Estou aqui” (enquanto isso temos um flashback de uma cena de quando Jesus era criança e caiu ao chão e Maria correu em Sua direção para socorrê-lO e abraçando-O, disse: “Estou aqui”). Na seqüência, Jesus responde: “Vê, mãe, eu renovo todas as coisas”, e consegue buscar forças em Maria para continuar carregando a cruz. Mais uma vez a mensagem nas entrelinhas é: Maria é o socorro bem presente em toda a vida de Jesus!

i) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que, enquanto Jesus estava sendo crucificado, Maria beijou Seus pés ensangüentados e disse ao moribundo Jesus: “Carne da minha carne, coração do meu coração. Meu filho, deixa-me morrer contigo”. Novamente, a mensagem nas entrelinhas é: Maria está disposta a ser crucificada com Jesus.

Poderia citar mais algumas cenas cujas ênfases foram marianas, porém, acredito que basta de mariolatria.

Um filme anti-semita, sim senhor!

Temos, porém, de ser honestos na nossa análise e devemos reconhecer que os líderes judeus do Sinédrio, na casa de Caifás, verdadeiramente agrediram o Senhor Jesus:“Responderam eles: É réu de morte. Então, uns cuspiram-lhe no rosto e lhe davam muros, e outros o esbofeteavam, dizendo: Profetiza-nos, ó Cristo, quem é que te bateu!” (Mateus 26.66-68). Bem, mas o que lemos no livro de Emmerick e assistimos no filme de Mel Gibson foi um anti-semitismo aberto e descarado.

Antes de analisarmos algumas cenas anti-semitas, é mister pontuarmos que os escritos da freira Anna Katharina Emmerick são bastante antiisraelitas. Emmerick jorra dos seus escritos profundo ódio pelo povo de Israel: “a fúria dos inimigos de Jesus”; o sentimento do povo era de “ódio e fúria” contra Jesus; Jesus “foi levado à Corte de Caifás, entre vaias, gritos e golpes profusos aplicados pela multidão enfurecida”; “os malvados Judeus”; “Os inimigos maliciosos de nosso Senhor”; “os cruéis Judeus” (pp.80, 94, 99, 113 e 163), entre outros adjetivos depreciativos para com o povo judeu.

Só para não deixar nenhum resquício de dúvida, como essa autora tinha um sentimento amargo para com o povo judeu, leia a próxima frase: “uma multidão de infames – a escória de gente – rodeou Jesus como um enxame de vespas enfurecidas e começaram a inundá-lo de todo insulto imaginável” (p.107).

Analisemos agora apenas duas cenas do filme “A Paixão de Cristo” que apelaram para odiarmos os judeus:

a) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que a multidão tentava linchar Jesus quando o mesmo passava pelas ruas e que algumas vezes os furiosos soldados romanos tinham de conter os atos violentos dos judeus. Apesar de, na película cinematográfica, Jesus ter levado a cruz em boa parte do percurso para o Calvário acompanhado de insultos e golpes extremamente violentos proferidos pelos soldados romanos e pela multidão dos judeus, não é isso que a Bíblia relata. Muito pelo contrário, a Escritura diz: “Seguia-o numerosa multidão de povo, e também mulheres que batiam no peito e o lamentavam. Porém Jesus, voltando-se para elas, disse: Filhas de Jerusalém, não choreis por mim; chorai, antes, por vós mesmas e por vossos filhos!” (Lucas 23.27-28). A Bíblia não relata nenhum motim enquanto Jesus caminhava para o Calvário e muito menos se sofreu qualquer outra agressão física durante o trajeto. Aparentemente, apesar de ter sido surrado no pretório, podia facilmente falar com as pessoas ao Seu redor.

O cireneu protesta, mas o romano grita: “Vamos, judeu!”

b) Em nenhum dos quatro evangelhos lemos que Jesus levou a sua cruz por boa parte do caminho. O texto bíblico relata que, logo após sair do pretório, quem passou a carregar a cruz foi Simão, um cireneu. Se Jesus chegou a carregar a cruz em algum momento, foi apenas durante alguns passos iniciais. “Ao saírem, encontraram um cireneu, chamado Simão, a quem obrigaram a carregar-lhe a cruz” (Mateus 27.32). Na película, Simão passou a carregar a cruz juntamente com Jesus. É claro que isso não é verdade. O texto bíblico nos ensina que Jesus andou na frente e Simão, que ia logo atrás dEle, carregava a cruz sozinho (Lucas 23.26). Na seqüência cinematográfica, Jesus, fisicamente exausto, cai no chão e então presenciamos talvez o mais forte ato anti-semita do filme “A Paixão de Cristo”:alguns judeus chutam Jesus, algumas mulheres judias sentem pena dEle, os brutamontes soldados romanos tentam afastar a multidão e um deles comenta: “Povo impossível!”. Na seqüência, Simão protesta que não vai mais carregar a cruz se não pararem de torturar Jesus. Então, um soldado romano grita para Simão: “Vamos, judeu!”, e as chibatadas continuam. Entenderam a mensagem nas entrelinhas? O povo judeu é impossível e só atende através de chibatadas.

A propósito, a Bíblia não menciona que Jesus foi espancado no Getsêmani e nem durante qualquer trajeto que realizou. O trajeto de Jesus foi o seguinte: Getsêmani – Casa de Caifás – Pilatos, na Fortaleza Antônia – Palácio de Herodes – Pilatos, na Fortaleza Antônia – Calvário. Na “Paixão de Cristo” de Mel Gibson, Jesus levou bofetadas, chicotadas, cuspidas, solavancos e pontapés durante todo esse percurso. A Bíblia não menciona que Jesus tenha caído uma só vez no trajeto para o Calvário, já na Paixão de Mel Gibson, Jesus caiu seis vezes.

A quem interessa tamanha violência? A dois grupos de pessoas: primeiro, aos sensacionalistas que querem mostrar o tanto que Jesus sofreu. Segundo, aos que acreditam em penitência como uma forma de pagamento de seus próprios pecados ou como forma de pagar por uma graça alcançada.

Uma pergunta bobinha, mas que não quer se calar

“Quem matou Jesus?”, foi a pergunta feita repetitivamente durante a exibição de “A Paixão de Cristo” nos cinemas. Essa é uma pergunta que pode ser respondida de forma histórica ou espiritual e a resposta é sempre a mesma:

a) Historicamente, quem matou Jesus? Resposta: Os judeus tanto quanto os gentios. A Bíblia de Estudo de Genebra responde: “Os crentes entenderam corretamente que tanto judeus, como gentios eram responsáveis pela crucificação de Jesus. Estes eram Herodes Antipas, que era o filho de Herodes, o Grande, e tetrarca (isto é, autoridade subordinada aos romanos) da Galiléia e Peréia (Lucas 3.1; 23.6-7) e Pôncio Pilatos, que foi procurador romano (governador) [...] de 26 a 36 d.C. (Lucas 3.1; 23.1-24). Os principais sacerdotes e anciãos persuadiram o povo a rejeitar Jesus e pedir por Barrabás (Mateus 27.20-26)”.(14)

O apóstolo Pedro e a igreja oraram: “porque verdadeiramente se ajuntaram nesta cidade contra o teu santo Servo Jesus, ao qual ungiste, Herodes e Pôncio Pilatos, com gentios e gente de Israel” (Atos 4.27).

b) Espiritualmente, quem matou Jesus? Resposta: Os judeus tanto quanto os gentios. Na cruz, Jesus levou sobre si os pecados de todos (tanto os judeus como os gentios). Há inúmeros relatos bíblicos sobre a morte de Jesus na cruz, pois essa foi a razão principal de Sua vinda à Terra. Em pelo menos três vezes, Jesus sentenciou claramente aos Seus discípulos que seria morto (Marcos 8.31; 9.31; 10.33-34).

Jesus nasceu para morrer. Na cruz, Jesus se fez o maior dos criminosos, sem nunca ter pecado. Na cruz, Jesus levou sobre si todos os pecados dos judeus e dos gentios. “Que se conclui? Temos nós qualquer vantagem? Não, de forma nenhuma; pois já temos demonstrado que todos, tanto judeus como gregos, estão debaixo do pecado; como está escrito: Não há um justo, nem um sequer” (Romanos 3.9-10). “Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus” (Romanos 3.23). Jesus “foi entregue por causa das nossas transgressões e ressuscitou por causa da nossa justificação” (Romanos 4.25). “Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores” (Romanos 5.8). “E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si mesmos, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou” (2 Coríntios 5.15).

Irmãos, qualquer outra resposta a essa pergunta é puro bairrismo, racismo, facção e desconhecimento histórico e espiritual.

As doutrinas em que Mel Gibson acredita

Um trecho de um artigo intitulado “O Filme de Mel Gibson – A Paixão de Cristo”, publicado pela Way of Life Literature, do Serviço de Informação da Igreja Batista Fundamentalista dos EUA e Canadá, nos esclarece que esse é um filme católico romano:

Mel Gibson pertence a um grupo católico tradicional que realiza a missa em latim, priva de ingerir carnes nas sextas-feiras, foge do ecumenismo e pratica outras coisas que foram abolidas no Concílio Vaticano II durante a década de 60. Gibson construiu a sua própria capela, chamada Família Santa, próxima a sua casa na Califórnia. Durante a filmagem, Gibson freqüentou as missas católicas todas as manhãs com o desejo errado de “estar puro”.

O roteiro foi traduzido para o aramaico e o latim pelo padre jesuíta William Fulco.

Qual é o evangelho que Gibson está tentando pregar durante o filme? É o evangelho católico dos sacramentos. Quando perguntado por um entrevistador protestante se alguém pode ser salvo fora da igreja católica romana, Gibson respondeu: “Não há salvação para aqueles fora da igreja” (Peter Boyer, “The Jesus War”, The New Yorker, 15 de setembro de 2003). Esse era o ensinamento oficial de Roma antes do Vaticano II.

Mel Gibson (à direita), dirigindo o ator Jim Caviezel.

De acordo com o romanismo, Jesus Cristo morreu na cruz, adquiriu a redenção e então entregou essa redenção para a Igreja Católica distribuí-la como pedaços de alimentos para os homens via os sete sacramentos. O homem não pode receber a salvação eterna diretamente de Cristo pela fé; ele tem que aproximar-se de Cristo através da Igreja Católica, via batismo, confirmação, missa, confissão para um padre católico, etc. A Igreja Católica ensina que o sacrifício de Jesus na cruz não foi de uma vez por todas suficiente, mas tem de ser perpetuado na missa, a qual é chamada de um sacrifício sem sangue. Considere esta afirmação do Concílio do Vaticano II: “Portanto, a Missa, a Santa Ceia, é ao mesmo tempo e inseparavelmente: um sacrifício no qual o sacrifício da cruz é perpetuado... Pois nele, Cristo perpetua de uma maneira sem sangue o sacrifício oferecido na cruz, oferecendo a si mesmo ao Pai pela salvação do mundo através do ministério dos padres” (Documentos do Vaticano II, “The Constitution on the Sacred Liturgy, Instruction on the Worship of the Eucharistic Mystery”, Introdução, C 1,2 p.108).(15)

Mel Gibson finalmente saiu do armário do anti-semitismo

Enquanto a película estava em evidência, Mel Gibson foi acusado de ser anti-semita e jurou que não era, mas pisou na bola quando foi pego dirigindo em excesso de velocidade em julho de 2006. Leia trecho do seguinte artigo publicado na revista Veja:

Alcoólatra supostamente redimido há vinte anos, em julho o ator e diretor enfiou o pé na jaca, foi parado pela polícia por excesso de velocidade e, daí, saiu do armário do anti-semitismo. Olhando para um policial de sobrenome judaico, detonou: “Os judeus são culpados por todas as guerras do mundo”. No dia seguinte, contrito, pediu profusas desculpas, pôs a culpa no José (Cuervo, o da tequila) e internou-se numa clínica.(16)


TEXTO EXTRAÍDO DO http://www.chamada.com.br/mensagens/paixao.html

Autor: Samuel Fernandez Magalhães Costa

martes, 24 de mayo de 2011

Entre a cruz e o trono, Ele escolheu a cruz…


Jesus estava no auge do seu ministério. Milagres, curas, maravilhas e impactantes demonstrações de poder haviam sido capazes de mover os corações de cada hebreu, fazendo-os sonhar de novo com a monarquia de Israel. O milagre da multiplicação dos pães, além de alimentar uma multidão faminta, fez muitos dos que estavam ali pensarem em um governante capaz de alimentar a todo um país, ou ao menos ao “seu” grupo sem maiores esforços. Reuniões foram convocadas de emergência, os principais e muito mais o povão deliberaram proclamar o nosso Salvador, como rei de Israel. Na mente de cada um daqueles homens estava o sedento desejo de vida... mas, esperem aí, eles queriam VIDA, mas vida fácil, o que Deus nunca prometeu a ninguém. Vejam o que Jesus fez: “Sabendo, pois, Jesus que estavam para vir com o intuito de arrebatá-lo para o proclamarem rei, retirou-se novamente, sozinho, para o monte.” (João 6.15).
Havia muita lógica, do ponto de vista humano em aceitar a coroação. Para Jesus, o trono dava satisfação pessoal, a cruz dava dor. O Trono dava riqueza, ouro, prata, jóias, a cruz dava a morte. O trono dava fama, a cruz dava vergonha. O trono dava proteção num palácio, a cruz dava a opressão do inferno, o abandono do Pai, tudo isso precedido pela angústia do jardim.


Mas a visão do amado Mestre olhava mais além: Sendo rei, Jesus governaria Israel, mas não poderia salvar a mim e a você. Sendo rei Jesus poderia libertar do jugo romano, mas não do jugo do pecado. Sendo rei Jesus poderia alimentar até o mundo inteiro com comida, mas não saciaria a fome da nossa alma. Sendo rei ele daria paz social, mas não a paz como o mundo não pode dá. Sendo rei ele aumentaria a expectativa de vida, mas não daria vida em abundância e eterna. Sendo rei construiria casas para todos os sem-teto, mas não as mansões celestiais para nós preparadas.

Glórias a Jesus por que Ele escolheu a cruz...


Para Ele mesmo o Senhor não encontrava nada bom na cruz, sua morte na cruz era por amor a mim e a vc. Ele precisava vencer o pecado e a tentação até à cruz, para libertar a mim e a vc. Ele precisava vencer a morte na cruz, para dar vida a mim e a vc. Ele precisava tomar as chaves da morte e do inferno para nos dar o céu. A morte de Jesus na cruz não foi boa para Ele mesmo, foi boa para mim e pra vc. Quando Cristo rejeitou o trono o fez por mim e o fez por vc. Entre o trono e a cruz Ele amou VC. Está escrito: “Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo. Se o meu reino fosse deste mundo, os meus ministros se empenhariam por mim, para que não fosse eu entregue aos judeus; mas agora o meu reino não é daqui.” (João 18.36).






Vc também deve rejeitar os “tronos” deste mundo e levar a sua cruz.


Jesus disse:


“Quem quiser, pois, salvar a sua vida perdê-la-á; e quem perder a vida por causa de mim e do evangelho salvá-la-á.” (Mr. 8.35).


“Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, dia a dia tome a sua cruz e siga-me.” (Lc. 9.23).


“e quem não toma a sua cruz e vem após mim não é digno de mim.” (Mat. 10.38).


“Pois o amor de Cristo nos constrange, julgando nós isto: um morreu por todos; logo, todos morreram.” (2 Co. 5.14).






Você também está amando a sua cruz? Ou você já aceitou o trono da fama, da vaidade, do “eu”, do egoísmo, entre outros?


Não se preocupe se muitos estão aceitando o trono, não aceite vc. Não se inquiete com o aumento da iniqüidade, seja santo vc. Não se espante se aquele evangelho romântico, de amor, sem interesse, está acabando, leve a cruz vc. Não desanime, olhe o alvo, não perca o rumo, pare de olhar pros lados, apenas veja Deus, imite a Deus, tenha sede por mais de Deus. Se por um acaso vc está lendo essas linhas, é porque Deus lhe está propondo mais uma vez que vc rejeite os “tronos” e aceite a sua cruz.