sábado, 12 de marzo de 2011

Fortes ondas em praias do Peru invadem casas e estabelecimentos comerciais


Lima, 12 mar (EFE).- As fortes ondas registradas na noite de sexta-feira em algumas praias peruanas como réplica do tsunami do Japão invadiu casas e estabelecimentos comerciais em pelo menos dois pontos do litoral do país, informaram neste sábado fontes policiais e a imprensa local.
As medidas tomadas pelas autoridades, como a evacuação da maior parte de bairros da região litorânea, o cancelamento de espetáculos em praias e a proibição aos pesqueiros de trabalhar, fizeram com que os efeitos das fortes ondas fossem mínimos e não provocassem vítimas, disseram à Agência Efe fontes policiais.
Na baía de San Andrés, na província de Pisco, a 300 quilômetros ao sul de Lima, as ondas invadiram o território com força, atingindo várias casas da região, informou a agência "Andina".
Até mesmo a estrada principal entre Pisco e Paracas foi invadida pela água em alguns pontos.
Ancón, a 40 quilômetros ao norte de Lima e famosa por suas praias, também foi atingida por fortes ondas.
Por volta das 1h30 da madrugada (horário local), as ondas afetaram estabelecimentos de cerca de 1,8 mil comerciantes que têm suas lojas em pontos muito próximos à praia, mas não houve vítimas.
Também em Lima as ondas atingiram com força a Costa Verde e esta manhã os operários limpam as imediações da estrada, que foi fechada para a circulação.
O acesso às praias está restrito na maior parte do país, já que ainda podem ser formadas ondas bem maiores do que o normal. EFE

No hay comentarios: