miércoles, 4 de mayo de 2011

Deus deixa um servo seu morrer?

Antes de responder essa pergunta pense em Tiago, Estevam, nos profetas, nos apóstolos e no próprio filho, nosso Senhor, que no alto da cruz exclamou: Pai porque me abandonaste?!

Existem muitas formas de ver e entender o sofrimento dos fieis, vários aspectos influem na questão, más antes de adentrar ao menos em alguns desses aspectos o que deixamos bem claro é que tal como a água é necessária para o bom funcionamento do corpo, assim é o sofrimento na vida do que serve a Deus. Longe de ser teólogo da desgraça, não posso entender, tão pouco, como existem teólogos da prosperidade; homens tão infiéis, reprováveis, distanciados do genuíno evangelho, homens que distorcem o que é santo em função dos seus próprios interesses.

Por más que hoje em dia o evangelho da cruz, pregado por Paulo, seja coisa de outro mundo que quase ninguém quer viver, eu tenho certeza que é o único (não que haja outros, mas muitos apresentam falsos evangelhos), que pode levar a o céu.

Antes de concluir pense em alguns versículos:

Muitas são as aflições do justo, mas o Senhor de todas o livra. Salmo. 34.19

No mundo, passais por aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo. João. 16.33

Através de muitas tribulações, nos importa entrar no reino de Deus. Atos 14.22b

Participa dos meus sofrimentos como bom soldado de Cristo Jesus. 2 Timoteo 2.3

Eu poderia mencionar uma centena de outros versículos parecidos. O que é certo é que Deus nos promete vitória e dentro do contexto das escrituras, vitória, pode significar forças. Forças para suportar MAIS. Se vc aceita um conselho fuja dos seus sonhos de consumo, eles irão te consumir. Fuja dos seus desejos, mas entregue seu caminho ao Senhor. Não corra demais, somente o suficiente para alcançar o premio da salvação. Interprete bem as escrituras por que Deus realiza o desejo do coração do justo e um justo nunca pensa em riquezas, prazeres, auto-realização, coisas demasiado grandes. O justo deseja a presença de Deus, seu amor, agradá-lo, amá-lo, tem fome de Deus e não de shopping, de justiça, não de novela, de diminuir mais para que Ele cresça, não de crescer ao ponto de já não ter que suportar aos demais.

Aceite o sofrimento sem reclamar, louve na prisão, teus vergões serão lavados. Mesmo que a figueira não floresça se alegre, mesmo que Ele te mate espera, ainda que o teu pai te abandone, confia. Somente confia, confia com toda a tua força, ama ao Deus que deu tudo por ti.

Assuero Chagas

No hay comentarios: