lunes, 25 de julio de 2011

Como fazer uma igreja crescer?


Deus tem me abençoado muito, e toda igreja onde tenho pastoreado, pela sua infinita graça, tem crescido de maneira abençoada. Hoje, pela misericórdia do Senhor, estou abrindo mais uma obra, uma extensão do reino, um grupo de fiéis.

Mas, o que na realidade eu tenho aprendido é que, homem nenhum nesse mundo faz uma igreja crescer. Podem regar, podem plantar, mas somente Deus tem poder de fazer crescer sua igreja, sua noiva, o seu povo. Nem todos os métodos, projetos, “sonhos”, muito trabalho, sacrifício, nada o que vc possa fazer gerará por si só o tão desejado crescimento. Mas espere um momento, tenha paciência. Deus não fará tudo o que tem que ser feito, Ele dará o crescimento, se vc fizer a sua parte.

Vejamos os passos que um homem ou uma mulher devem dar para que Deus dê o crescimento à sua igreja. Tomando como base 1 Co. 3.6, é fácil identificar apenas duas tarefas que o homem pode desempenhar: plantar e regar. Veja alguns conselhos:

1. Evangelize – Deus não prega o evangelho, nem os anjos. Evangelize de todas as formas que estejam ao seu alcance: Rádio, Tv, na rua, ar livre, de casa em casa. Não dê lugar à preguiça, não tenha vergonha nem veja as dificuldades, apenas evangelize.

2. Visite – Faça um acompanhamento dos que entregam suas vidas a Cristo. Visite os crentes, principalmente os que estão passando por momentos difíceis.

3. Ore – Preste contas a Deus do seu trabalho, lute em oração pelos seus “filhos” na fé. Um líder de obra que não ora é um zero a esquerda, pior que um cachorro sem dentes, é como cão de guarda preguiçoso, mudo, nada compreende guardando as ovelhas do seu Senhor.

4. Paciência – Não se desespere, a planta vai nascer; semeando da forma certa, regando na medida correta, nasce porque nasce. Descanse. Quem faz bem feito, pode descansar.

Existem alguns que não sabem esperar Deus dar o crescimento, e começam a tomar atributos que só pertencem a Deus. Terminam sendo instrumentos nas mãos do diabo para afligir outros servos de Deus. Vão aí alguns conselhos para quem está sendo tentado a crescer muito rápido, correndo sem paciência:

1. Vença a tentação de ser pescador de aquário. Deus pode até permitir que convenças crentes de outras igrejas saírem para te “ajudar”, no entanto Deus cobrará de ti. Haverá um servo de Deus chorando por tua atitude e saiba que você vai colher, e o mal que estás fazendo sobre ti virá. Tenho visto muitas igrejas crescerem com crentes de outras partes, é lamentável o final deles, vergonhoso. Deus perdoa, mas, creia, não tem o culpado por inocente.

2. Vença a tentação do “pode tudo”. Alguns, no desespero de ver a igreja crescer, oferecem doutrina fácil, o tão conhecido “facilismo”. Tornam a igreja em clubes esportivos, outros a transformam em pista de dança e ainda dizem “é pra atrair os jovens”. Já não é o sangue de Jesus que atrai, é o esporte e a dança, teatro, etc. Já não importa a autenticidade do evangelho é necessário algo mais.

3. Não aceite membro na igreja de todo jeito, crente tem quer ser transformado, não perfeito, mas santo. A falta de bom testemunho entre os fieis freia consideravelmente o crescimento da obra do Senhor. Obreiro sem exemplo moral nem falar... Uma das causas mais fortes que impedem um vertiginoso crescimento da obra do Senhor é que muitos líderes já não são irrepreensíveis e o mau exemplo deles afasta um número maior que o número de pessoas que são atraídas pelo evangelho.

Poderíamos fazer muitas outras considerações sobre o crescimento da igreja, nem de longe um simples comentário esgota o tema, mais aí está um bom inicio para uma reflexão mais extensa, no futuro, sobre que tipo de crescimento podemos observar hoje em dia.

sábado, 23 de julio de 2011

O poder de um olhar... carnal...


Tudo começou com um olhar. O homem segundo o coração de Deus adulterou, matou e enganou a Israel, tentou enganar a Deus, e foi infiel com o pacto e a promessa, mas tudo começou com um olhar. Ele não podia imaginar que o resultado seria a sedição do seu filho, incesto na família, irmão matando irmão, a violação pública de suas mulheres, a perda do trono, a vergonha da maldição, o opróbrio da fuga, a angútia desesperante da traição. As conseqüências que teve que viver o maior estadista de Israel, de todos os tempos, começou apenas com um olhar.

Não é demais ter mais cuidado para onde estamos olhando, ou para onde vamos olhar. A palavra de Deus diz que os nossos olhos são a lâmpada do nosso corpo, os quais sendo bons, todo nosso corpo será bom, do contrário todo o nosso corpo será mau. A mesma escritura nos diz que devemos ungir os nossos olhos com colírio para que possamos ver melhor. Todo cuidado é pouco, não basta orar, é necessário manter toda a vigilância. O desejo dos olhos é um dos grandes vilões da humanidade e o meio pelo qual Satanás há mantido muitos aprisionados.

Tenha cuidado com o que vc verá na internet, vigie quando anda pela rua, onde fixa o seu olhar. Inclusive, com a lascívia alarmante dentro de nossas igrejas... tenha cuidado quando vai ao templo, aí é um lugar de muito perigo, roupas sensuais estão abundando nas senhoras e senhoritas da igrejinha do Senhor. Já ouvi de muitos servos do Senhor, que preferem ficar olhando só pro teto da igreja para não pecar com o olhar. Peça a Deus olhos ungidos, e saiba que muito mal e desgraça na sua vida podem começar apenas com um olhar.

No demais fica para reflexão o compromisso do salmista nas seguintes palavras: “Não porei coisa (má) injusta diante dos meus olhos”.

La paz del Señor.

lunes, 11 de julio de 2011

Deus está fazendo a obra CRESCER !




Dias de júbilo na presença de Deus: seis almas se entregaram para Cristo, dois crentes foram batizados com o Espírito Santo, 11 discípulos foram batizados nas águas no nosso primeiro batismo em Lima, foi realizada a primeira santa ceia com a igreja, antes somente éramos eu e Rebeca, tudo isso durante as comemorações dos oito meses da igreja em Lima, também apresentamos ao Senhor as primeiras duas crianças, na santa ceia.

Que todos saibam que Deus está respondendo às orações dos que clamam por missões. Depois de oito meses trabalhando para o Senhor nesta cidade, o nosso Deus, cada dia, está acrescentando à igreja os que hão de salvar-se. Já são mais de 50 servos de Deus, entre crianças e adultos, que não vieram de nenhuma igreja, mas simplesmente não conheciam a Cristo, ou estavam afastados dos caminhos do Senhor.

Os irmãos ficaram como crianças escutando as palavras do primeiro pastor vindo da igreja mãe a visitar o pequeno rebanho. O meu pai, o pastor Antônio Verçosa e a minha mãe a irmã Noêmia Chagas estiveram conosco neste período e foram instrumentos de Deus para a edificação do seu povo.

Pedimos as orações dos servos de Deus para que Senhor nos conceda seguir trabalhando com alegria e fazer a sua obra com satisfação, sabendo que há um grupo de servos e servas de Deus nos apoiando em um incessante clamor por missões.

domingo, 10 de julio de 2011

Carta enviada a Abreu e Lima...


Com muito gozo nos nossos corações lhe informamos das muitas misericórdias de Deus nas nossas vidas e na obra missionária aqui no Peru. Desejando que a sua saúde e o seu ministério, bem como toda a sua família sejam alvos da maravilhosa graça continuamente.

Nestes últimos dias pudemos observar quão grande é a bondade de Deus para com esse país permitindo a realização do nosso primeiro batismo nas águas, quando 11 candidatos desceram as águas batismais. Também realizamos a nossa primeira Santa Ceia com os irmãos o que foi um marco histórico neste lugar. Varias pessoas têm entregado suas vidas ao Mestre e o nome de Jesus há sido grandemente glorificado. No domingo passado (3/07) Jesus batizou a dos crentes com o Espírito Santo os quais, claramente, falaram em línguas estranhas pela primeira vez. Tudo está bem! Também realizamos nossa segunda concentração evangelística onde Jesus salvou duas almas para o reino.

O meu cuidado especial tem sido com a sã doutrina da qual não abriremos mão. Somos Assembléia de Deus, de uma igreja conservadora de seus bons costumes e totalmente comprometida com a palavra de Deus e o mesmo trabalho que realizamos no Brasil e no Equador estamos realizando no Peru para a gloria de Jesus.

Esperamos sua visita em setembro, enviamos saudações a nossa igreja no Brasil, e agradecemos as orações missionárias, aos jovens, adolescentes, as irmãs do círculo de oração, a todos os obreiros e especialmente as crianças que eu sei não se esquecem de orar por nós.

Para meditação de todos: Mal. 3.18.

Lima, 09 de Julho de 2011.



Missionário Assuero.

viernes, 8 de julio de 2011

Novos crentes são batizados com o Espírito Santo...

Dois crentes foram batizados com o Espírito Santo, no último domingo, 3 de Julho de 2011. O culto foi verdadeiramente um avivamento, o qual para existir, deve ser caracterizado pelo desejo de levar o evangelho aos perdidos, anelo por santidade com uma autêntica postura de arrependimento de obras mortas e o amor genuíno. A mensagem da palavra de Deus, pregada com autoridade, não foi uma manifestação de uma teologia da prosperidade barata mas uma mensagem, por meio da qual o Espírito Santo se moveu trazendo liberdade. Onde Ele está há liberdade. O revestimento de poder veio depois de um profundo clamor inspirado nas mais formosas passagens bíblicas sobre a unção do Espírito Santo em forma de poder para a igreja. E como sinal, as línguas estranhas soaram como música aos ouvidos do Criador que viu mais uma vez a sua promessa cumprir-se na vida dos fieis. Aconteceu no dia de pentecostes; na rua Azuza; em Belém do Pará; em Abreu e Lima e também no PERU.

Isso me faz lembrar no dia em que eu recebi o batismo com o Espírito Santo. Depois de dois anos buscando incessantemente, entre vigílias e jejuns, na tarde do dia 14 de Abril de 1996, às 16:30h, na Assembléia de Deus de Pau Amarelo, quando o então evangelista Joabe Gomes põe a mão na minha cabeça e diz: "em nome de Jesus receba o batismo com o Espírito Santo", eu falei em línguas estranhas pela primeira vez.

Rejeitando com toda força as“novas” e “estranhas” doutrinas que estão surgindo sobre o tema, como a "unção" do cai-cai, por exemplo. A doutrina do batismo com o Espírito Santo é facilmente observada nas escrituras, sendo um revestimento de poder, o dom de Deus, o poder prometido, o selo, ser cheio do Espírito Santo tendo como sinal, claro e irrefutável o falar em outras línguas conforme o Espírito Santo conceda. Sobre o sinal, não estamos falando de monossílabas (La La La – Le Le Le), estamos falando de línguas organizadas.

No domingo 3 de Julho, Jesus voltou a cumprir sua promessa na nossa igreja em Lima batizando a mais dois crentes com o Espírito Santo, para a glória do seu santo nome: o irmão Guillermo Saenz e a irmã Maria Eugenia. Vc que está lendo essa postagem está convidado a participar em oração desse clamor que dia a dia realizamos para o engrandecimento do nome de nosso Senhor Jesus nesta cidade. Toda honra e glória a Jesus, nosso Salvador.