lunes, 31 de agosto de 2015

Mais uma familia para Jesus!!!!


No culto de ontem, mais uma família para Cristo. Durante o mês de agosto, dos muitos que se entregaram para Cristo, 7 se firmaram.

sábado, 8 de agosto de 2015

Reféns do passado, prisioneiros da tristeza: Deus faz uma coisa nova!

De repente tudo mudou e sua vida já não é a mesma? Uma notícia avassaladora mudou seu estilo de vida? A dor da traição oprime o seu peito ou a morte chegou aos seus? Disseram que você tinha estresse, depressão ou coisa semelhante?

Se não, o texto que você vai ler, guarde-o, porque você vai precisar dele um dia. Porém se você se identificou com essas indagações, Deus quer falar ao seu coração agora!

Deus havia permitido o pior e o seu povo havia sido levado cativo para um país estrangeiro e já não tinha motivo para cantar. Os que permaneceram na terra de Israel, foram dizimados lentamente enquanto que os exiliados cobriram o rosto de confusão. Homens, mulheres e crianças, caminhavam pelo deserto para o desconhecido mundo caldeu.

O Criador tinha cuidado dos detalhes; a meta era fazer o povo sofrer e entrar em razão. A dor era o único remédio. Nos corações já não havia esperança nem razão para cantar e um sentimento de profunda tristeza invadia o coração dos viageiros do Senhor.

Toda aquela situação produzia um vazio sem fim, um sentimento tão forte como uma tempestade, porém sem vento nem mar, só lágrimas e muita tristeza. Nesses momentos não se explica a dor, não se descreve o que se sente, apenas a solidão chega e quer ficar, ninguém pode entender, nem muito menos consolar.

Mas foi nesse contexto de escuridão da alma do seu povo, que Deus levantou o profeta Isaías e disse:

“Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas."

Como isso seria possível? Como esquecer tudo o que aconteceu? Como?

O Criador sabia que apenas de uma forma isso seria possível!

Enquanto o povo estava literalmente cansado de tudo e até de Deus (Is. 43.22), o Senhor estava propondo um novo recomeço. O Altíssimo estava prometendo abrir o mar outra vez e FAZER ALGO NOVO.

Era exatamente essa a preposta de Deus: Fazer algo novo acontecer!

Ele pôde permitir o mal? Tinha um propósito em toda essa dor? Sim! Deus não trabalha com casualidades, Ele não é pego de surpresa, ele quis fazer você entrar em razão, desculpe, ele queria chamar sua atenção. Não havia outra forma, Ele já havia tentado de tudo, o seu coração não permitia outra maneira e Deus precisava ter um encontro com você ainda que fosse necessário vê-lo sofrer e sofrer tanto.

Mas tudo bem, parece que você já entendeu e essa é a palavra de Deus para Israel, podes escutá-la também?

Eu farei algo novo e não vai demorar, não é uma promessa para muito tempo depois, eu farei com pressa.

Não retardarei mais a minha palavra, farei já! Todos verão que Eu Sou fiel.

Creia nesta palavra e liberte-se das correntes do seu passado, levante a sua cabeça e olhe para o horizonte, veja o bosquejo de Deus, o ensaio de uma nova história que ele está desenhando para vc.

Não se culpe! Você já entendeu! Você sabe que falhou com o Senhor, Ele permitiu tudo isso para dizer que te ama e não vai desistir de você, mas com carinho te leva de novo para o esconderijo do Altíssimo e poderás, outra vez, descansar.


Não seja refém do seu passado, esqueça o que passou... Deus está fazendo ALGO NOVO !!!!!!

Missionário Assuero.

miércoles, 5 de agosto de 2015

Estamo-nos afastando da sã doutrina, Laodiceia nos atencedeu...

Quando substituímos a genuína ação do Espírito Santo pela heresia do “Reteté”.

Quando pregamos o que gostam de ouvir e não o que precisam.

Quando nos promovemos, nosso nome, nossa imagem por meio do evangelho de Cristo.

Quando cultos inteiros de duas ou três horas só reservam uns poucos minutos a pregações ocas.

Quando o que mais importa são templos cheios, porém com vidas vazias.

Quando “parece que o pecado não é pecado mais”

Quando acabou a disciplina, o fermento levedou e o medo de dizer a verdade é o padrão.

Quando a falsidade, a mentira, o mexerico, a calunia é algo tão normal.

Quando Jezabel tem nos nossos templos mulheres descaradamente sensuais a representando.

Quando a piedade é substituída por desejo de ter mais, cada vez mais.

Quando já não há amor nos corações, porque a iniquidade se multiplicou, acabou o temor e todo mundo tem o direito de denegrir com uma roupagem de “direito de opinião”.

A tendência é a confusão, é o Icabô, é o abandono por parte do Senhor...

A consequência é o ser vomitado, como está escrito: “Eu sei as tuas obras, que nem és frio nem quente. Tomara que foras frio ou quente! 16 Assim, porque és morno e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca. 17 Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta (e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nu)” Ap. 3.15-17.

Que Deus ajude os seus, que Deus guarde os santos, os que não mancharam as suas roupas neste pântano de infiéis.


MARANATA MARANATA MARANATA MARANATA !!!!!!!!!!!!!!!

Assuero Chagas do Nascimento.